Tuyo e a sensibilidade poética - Do papel para o mundo

16 de novembro de 2018

Tuyo e a sensibilidade poética


Tuyo e a sensibilidade poética
Capa do EP "Pra doer"

Se você já ouviu algumas das músicas da banda curitibana Tuyo, composta por 
Jean Machado, Lilian e Layane Soares deve ter notado o quanto suas letras são poéticas, repletas de uma sensibilidade que se soma as vozes maravilhosas desse trio. Mas caso você nem saiba do que falo, a hora é essa.

Em 2017 o trio lançou o EP "Pra doer", com quatro músicas, incluindo as ótimas "Solamento" e "Amadurece e apodrece", que ganharam clipe da agência de criação de conteúdo "Hai Studio". A Tuyo define seu estilo como um "folk futurista", e de forma geral fala de amor, da dor, angústias e saudade. 

Sabe aquelas memórias guardadas no passado ou aquela ferida ainda sem cura? De alguma forma elas são revividas ao viajar pelo som desses três, de um modo muito positivo, belo e natural. No início deste mês foi lançado o álbum "Pra curar", que também traz a melodia entristecida, característica da banda, casada com instrumentos musicais. Mas dessa vez o amor canta mais alto, mesmo que às vezes soe platônico, sem saber se deu certo ou não. Pra quem gosta de poesia é um prato cheio. 


Versos de "Pra curar"

"Eu continuo vivo, de pé, meio cego
Apalpando as paredes do coração
Encontrando vestígios seus
Deixados como pista
Sem o mapa de verdade"
-Terminal

"Se passasse uma estrela cadente
E pudesse me dar um presente
Eu pedia: Me leva"
-Me leva

"Um adjetivo bom pra vida é: Louca
Porque pra viver não pode bater bem
Se bem que no fim o mundo está morrendo
E no final de tudo não sobra"
-Vidaloca

"Eu não preciso de você
Eu sou um tronco forte
Tenho a terra pra me erguer
Mas eu te prendo"
-Cuidado

"Queima tudo em volta
Voo livre
Mas sempre volta
Pro seu lar"
-Eu sou dragão

"Corro até descobrir
Que tudo se move
Pra longe, pra perto de mim"
-Brincadeira mais engraçada do universo

"Mão direita no ventre, a esquerda no peito
Eu abro e fecho os caminhos em mim"
-Eu não te conheço

"Toda beleza que eu não entendo em mim
Sei que ela chega aí
Em um milhão de formas"
-:'(

"Me acalmo
Quando penso
Que o que eu penso
Não preciso explicar"
-Aquela sacada

"Eu te deixei escapar
Entre os meus dedos, então
Você caiu nos meus pés
E eu pisei em você"
-Sem querer 


Gostou do som da Tuyo?

Nenhum comentário:

Postar um comentário