A dor nos recolhe - Do papel para o mundo

31 de julho de 2019

A dor nos recolhe

Poesia Bárbara Amorim
Entendo que a dor é passageira
Mesmo quando mortífera
às vezes não mata
Mas nos recolhe

Nos tira da vida
e nos impõe a solidão
E a ela não questionamos
Aceitamos o seu abraço

Nos enlaça, nos desgraça
E quando avistamos a poesia
vemos também um labirinto
que percorremos e percorremos sem fim

Ignoramos flores e estrelas
e só enxergamos a dor
Ciumenta e ingrata
Mas também inteligente
Nos afoga porque sabe do nosso mar

Bárbara Amorim

Nenhum comentário:

Postar um comentário